Meio&Mensagem
Publicidade

Maximídia

05 A 07 DE OUTUBRO - HOTEL UNIQUE - SÃO PAULO/SP

Elo exalta poder das parcerias com orquestra e arte

Com a presença do maestro João Carlos Martins, painel da empresa de cartões destacou os projetos sociais e culturais, representados na apresentação da Orquestra Jeri

Bárbara Sacchitiello
7 de outubro de 2021 - 23h15

Orquestra Jeri se apresentou no palco do Maximidia nessa quarta-feira, 6 (Crédito: Eduardo Lopes/Imagem Paulista)

Depois de emocionar o público ao tocar piano perante a plateia que acompanhava o Maximidia na tarde de quarta-feira, 6, o maestro João Carlos Martins disse por que vê a orquestra como uma espécie de régua do mundo. “Quando tudo vai bem, as pessoas dizem que aquilo funciona como uma orquestra. Quando tudo vai mal, dizem que é uma orquestração contra alguém”, exemplificou.

A analogia com a arte que mudou sua vida explica a dedicação com que João Carlos Martins se entrega à música depois de 60 anos – e, também, justifica sua emoção ao ver a apresentação de uma jovem orquestra graças ao apoio de uma empresa que acredita no incentivo cultural como forma de transformar vidas.Em seu painel, a Elo usou a música para mostrar como a atuação de uma marca pode ganhar novos contornos quando ela sua visibilidade para ajudar a transformar pessoas e comunidades. Luis Cassio de Oliveira, diretor de comunicação e marketing da empresa, contou sobre o projeto Destinos, uma plataforma implementada pela Elo há alguns anos com a proposta de melhores, sob diferentes aspectos, o cotidiano de destinos turísticos brasileiros.

Maestro João Carlos Martins se apresenta ao público no painel da Elo (Crédito: Eduardo Lopes/Imagem Paulista)


Foi com essa proposta que, há algum tempo, a equipe da Elo chegou à Jericoacoara, no Ceará e encontrou algumas crianças tentando tocar instrumentos musicais com poucos recursos. Elas eram ensinadas pelo maestro Lucas Vasconcelos, que nasceu e sempre morou na vila turística.

A Elo, então, decidiu apoiar o projeto da Orquestra Jeri, fornecendo instrumentos e estrutura para eles ensaiarem. “Esse projeto é mais do que um posicionamento de marca. Acaba virando uma ação social e de inclusão, e que ao mesmo tempo é um posicionamento de marca. A companhia tem uma forte crença nas parcerias”, destacou o executivo.

Para exemplificar o projeto, a Elo trouxe ao palco do Maximidia o maestro Lucas e a Orquestra Jeri, que tocaram para a plateia e receberam, de surpresa, a visita e os aplausos de João Carlos Martins, convidado pela marca para o painel. “Fico muito feliz quando vejo marcas como a Elo preocupada com responsabilidade social e sustentabilidade. Esses jovens precisarão conservar sempre a disciplina de atletas e a alma de poetas”, declarou o músico.

Publicidade

Compartilhe

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”

Patrocínio Master

Realização