Meio&Mensagem
Publicidade

Maximídia

05 A 07 DE OUTUBRO - HOTEL UNIQUE - SÃO PAULO/SP

O conteúdo é Rei

O Diretor Geral da Globosat, Alberto Pecegueiro, fala dos desafios que os veículos de comunicação vem enfrentando em um mundo cada vez mais mobile, conectado e transparente.

Carolina Swenson
26 de setembro de 2017 - 13h15

Alberto Pecegueiro, Diretor Geral da Globosat, estará presente no MaxiMídia 2017. Ele participará do painel “Veículos: os desafios e oportunidades do futuro que já chegou” ao lado de outros dois líderes do setor: Walter Longo, Presidente Executivo do Grupo Abril, e Andiara Petterle, Vice-presidente de Produto e Operações do Grupo RBS. O papo, que será moderado por Marcelo Coutinho, colunista do Meio & Mensagem, acontecerá na manhã do primeiro dia do evento.

O executivo acredita que as relações transparentes e o bom conteúdo são as melhores ferramenta para se atrair audiência nos dias de hoje. “ Hoje o importante é escutar e conversar, muito mais do que só falar. Somos inspirados pelo público todos os dias. Nosso casting é brasileiro, nós somos brasileiros e investimos muito em pesquisa, tanto de audiência (no linear e não linear) quanto de comportamento. Cada marca do nosso portfólio busca se aproximar o máximo possível do seu target.”

1. Quais recursos (ferramentas) você tem utilizado para atrair a audiência nos dias de hoje?
Bom conteúdo sempre é a melhor ferramenta, o melhor marketing. Mas usamos recursos que vão desde a utilização do break como extensão dos programas, as parcerias com as operadoras à presença das nossas marcas nas redes sociais. On air, off air e on line, buscamos uma presença 360o. Cada vez mais desejamos um engajamento real e constante das pessoas com nossos programas e talentos. Acreditamos em relações transparentes e naturais. Hoje o importante é escutar e conversar, muito mais do que só falar. Somos inspirados pelo público todos os dias. Nosso casting é brasileiro, nós somos brasileiros e investimos muito em pesquisa, tanto de audiência (no linear e não linear) quanto de comportamento. Cada marca do nosso portfólio busca se aproximar o máximo possível do seu target. E isso só funciona se acontecer de forma autêntica e orgânica, porque quem faz o SporTV gosta de esporte, quem faz o Telecine ama cinema e assim por diante. Somos apaixonados pelas histórias que contamos. Queremos compartilhar e nos conectar com as pessoas pela emoção.

2. Como fazer para reter o leitor/espectador hoje em dia?
Hoje não basta ter o melhor casting, as melhores histórias e os maiores eventos. Tudo isso precisa estar disponível para o consumidor de forma simples e direta. Conteúdo é Rei, mas o contexto é Deus. Queremos que nosso conteúdo seja líquido e atravesse telas e plataformas de acordo com o momento, lugar e desejo da audiência. Investimos muito nisso, temos conteúdos (linear e VOD) em todas as plataformas. Buscamos uma crescente relevância na vida do nossos parceiros. Tudo para que as pessoas possam focar no que realmente importa: na emoção de cada história que contamos. Mais do que acompanhar as preferências e os gêneros que mais agradam o brasileiro, buscamos sempre entender o seu comportamento ao longo do dia. Nenhuma outra programadora oferece na sua plataforma digital uma variedade de conteúdo sob demanda como o Globosat Play. Uma plataforma que também oferece transmissões ao vivo (simulcast) dos canais. E agora temos uma unidade de negócio focada em gerar conteúdo para plataformas digitais: a VIU. Uma área que pode gerar atrações inéditas ou extensões do conteúdo que já existe na TV, combinando talentos da TV com os do mundo digital. O cuidado é para crescermos juntos. Estamos em constante transformação.

3. Existe alguma experiência recente que poderá ser apresentada durante o evento? Pode nos contar um pouco? Tem algum vídeo para ilustrar? Se sim, podemos compartilhar nas redes sociais do evento?
A Globosat continua crescendo. Experimenta, aprende, erra e acerta todos os dias. Temos vários cases de sucesso no último ano. Transmissão com cobertura 100% dos jogos Olímpicos no linear mais o digital, na última edição do Prêmio Multishow fizemos uma transmissão paralela no Youtube ao vivo, parceria com o McDonald’s na criação de uma novelinha mexicana em formato de branded content chamada “Guacamole da Paixão”, a parceria com a VICE, investimento constante na produção nacional como por exemplo a série Rotas do Ódio do Canal Universal e o nosso primeiro longa infantil, o DPA, lançamento do aplicativo OFF ainda este mês, estreia do Gloobinho em outubro, desenvolvimento de conteúdo em parceria com nossos anunciantes (Natura, Itaú e Nestlé) com um propósito de construir uma sociedade mais saudável com o Projeto Caminhada Criativa, Rock In Rio 2017, lançamento do OTT do Telecine em conjunto com as operadoras e muito mais. Estamos em constante evolução e valorizamos muito a forma como chegamos até aqui. Acreditamos em vínculos sólidos, no consumidor em primeiro lugar, no conteúdo sob medida, na casa de talentos e na inovação constante.

Acho que desses exemplos de cases de sucesso o último Prêmio Multishow de Música Brasileira seja um bom case para avaliarmos. Reunimos grandes influenciadores da internet que comentavam tudo que acontecia no evento, além de interagir com os apresentadores que comandavam a festa na TV. O evento começou com o Whindersson Nunes dando uma carona para o Luan Santana até o Prêmio Multishow, deixando bem claro que esse era um evento sem fronteiras entre TV e internet. Nosso objetivo era atrair ainda mais o público jovem. E conseguimos: a audiência entre os jovens subiu 229% em comparação com o ano anterior. Um projeto liderado pelo MSW, junto com a VIU e Co&Bra, nossa agência in-house.

Durante o MaxiMídia teremos a oportunidade de compartilhar o case que está acontecendo agora, o projeto Rock in Rio. Uma cobertura ampla em todas as plataformas com muita diversidade e qualidade. Um projeto completo, 360º.

Publicidade

Compartilhe

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”

Patrocínio Master

Realização