Michel Teló

Cantor e compositor

Quem faz uma leitura superficial de Michel Teló pode pensar que ele começou sua carreira com a música “Ai Se Eu Te Pego”. Não que não haja motivos para isso, por conta da repercussão mundial que o hit teve. Mas Michel está na estrada, cantando, tocando e fazendo sucesso há duas décadas.

O cantor, nascido em Medianeira, Paraná, começou cedo. Logo aos seis anos, em 1987, se apresentou pela primeira vez, na escola, interpretando Roberto e Erasmo Carlos. Os pais viram ali a chama acender, e aos dez anos, quando morava em Campo Grande (MS), ganhou seu primeiro acordeão.Dois anos depois, incentivado pelos amigos dos pais e vizinhos, criou o grupo Guri. Nessa época, Michel estudou piano, acordeão e violão. E em quatro anos estava como líder do Grupo Tradição, onde gastou sola de sapatos e unhas no violão se apresentando em bailes. Foi assim que desenvolveu seu termômetro pop e seu feeling para o que tem potencial de sucesso.

Foram 11 anos com o grupo até a decisão de sair, de forma muito amigável, e começar a carreira com seu próprio nome. No ano seguinte, em 2009, lançou o primeiro trabalho solo, “Balada Sertaneja”, de onde saíram os hits “Ei, Psiu! Beijo, me Liga” e “Amanhã Sei Lá”.

Um ano depois ampliou o alcance de seus sucessos sertanejos com pegada pop, rock e dançante com o disco “Michel Teló Ao Vivo”. Então veio 2011 e tudo foi elevado à décima potência, tanto para Michel como para a música brasileira.

Na metade do ano saiu o trabalho “Michel na Balada”. A primeira música e single foi “Ai Se Eu te Pego”. Basta dizer que em um ano foram vendidas 16 milhões de cópias do single e, desde então, o videoclipe oficial da música é assistido por quase sete dígitos de pessoas por dia (cerca de 800 mil visualizações diariamente. Só do clipe oficial, contando apenas o Youtube) e hoje conta com 685 milhões de views.

Nas redes sociais os números são também incríveis: 1 milhão e 600 mil seguidores no Instagram, mais de 8 milhões e meio no Facebook e mais de 1 milhão de inscritos no Canal do Youtube.

Além do Brasil, a música foi primeiro lugar na Colômbia, Alemanha, Áustria, Bélgica. Alcançou o topo da parada em Israel, Itália, Bulgária, França, República Tcheca, Alemanha, Holanda, Espanha, na América Latina inteira, e por aí vai.

Fez 240 shows em 2011. Outros 220 em 2012, quatro indicações ao Grammy, sete indicações ao prêmio Billboard, e foi o primeiro brasileiro a entrar no top 100 da Billboard desde Sergio Mendes, que conseguiu nos anos 1960.

Mesmo assim, diante do retumbante estouro de “Ai Se Eu te Pego”, o disco ainda traz muitos outros hits do cantor, como “Humilde Residência” e “Eu Te Amo e Open Bar”.

Em 2013, Teló continuou seu trabalho dando sequência ao desbravamento mundial do sertanejo com o CD e DVD “Na Balada – Sunset”, gravado em shows realizados em praias brasileiras.

Com este trabalho, Michel deu prioridade ao mercado brasileiro e aproveitou o ano para lançar clipe das músicas de trabalho “Maria” e “Levemente Alterado”. Também no ano de 2013, Michel conquistou duas categorias no prêmio Billboard Latin Music Awards (‘Melhor Música do Ano’ e ‘Melhor Música Pop’, pela canção famosa no mundo todo “Ai Se Eu Te Pego”).

O ano de 2014 começou com um pé na estrada. Nos dois primeiros meses do ano, Teló levou o “Na Balada – Sunset” para Paris, Oslo, Bruxelas e Ilhas Maldivas. Outra viagem internacional no roteiro de Michel foi para Miami, onde se apresentou novamente no Billboard Latin Music Awards ao lado do cantor Prince Royce. Juntos cantaram a música “Te Dar um Beijo”, uma versão feita por Michel da música “Darte um Beso”, que já faz parte do repertório de shows do cantor e ganhou um clipe lançado em maio deste ano.

Além de dar continuidade a turnê em 2014, Michel se dedicou a gravação do projeto: “Bem Sertanejo”. O trabalho contou a história da música sertaneja, através de entrevistas e bate-papo com várias duplas e artistas sertanejos. E o que era um projeto pessoal, virou quadro do Fantástico. Foram 15 episódios, em duas mini temporadas, a primeira a partir do dia 20 de julho de 2014 e a segunda a partir de 12 de outubro de 2014. Cada programa gerou um aumento, em média, 2 ½ pontos no Ibope do Fantástico.

O Bem Sertanejo foi registrado em DVD, lançado em novembro de 2014. Além de todas as entrevistas, o DVD conta também com as músicas apresentadas no programa na íntegra e é um sucesso de vendas, com mais de 100 mil unidades vendidas. E também virou um livro, lançado em junho de 2015 pela Editora Planeta, de autoria do Michel Teló com o jornalista André Piunti.

No dia 02 de setembro do ano passado, Michel gravou o DVD “Baile do Teló” no Espaço das Américas, em São Paulo. O show teve tecnologia inédita com realidade aumentada e imagens 360º, um repertório composto por 15 músicas inéditas e participações especiais de Seu Jorge, os ex- companheiros do Tradição, além da dupla Breno e Caio César.

O lançamento foi disponibilizado na internet para seus fãs por 48 horas e, em dezembro de 2015, Michel lançou o DVD em formato físico.

Também em 2015, o cantor estreou como técnico do The Voice Brasil ao lado de Claudia Leite, Lulu Santos e Carlinhos Brown e já saiu vitorioso com o cantor Renato Vianna. O mesmo aconteceu em 2016, quando foi o técnico vencedor com a cantora Mylena Jardim.

Michel já começou o ano de 2017 com novidades. Em março, gravou o DVD “Bem Sertanejo”, em Curitiba, com a participação de Luan Santana, Maiara e Maraísa, Marília Mendonça e Jorge & Mateus. O trabalho deve ser lançado no segundo semestre.

Durante os meses de abril, maio e junho, Michel se dedicou a turnê do espetáculo “Bem Sertanejo – O Musical”, que contou a história da música sertaneja. Também em maio, o quadro de mesmo nome voltou a ser apresentado durante o Fantástico, na TV Globo.

Para o segundo semestre, Michel se jogou na estrada com a nova turnê “Bem Sertanejo – O Show”, baseado no DVD de mesmo nome. Além disso, integrou, mais uma vez, o time de jurados do The Voice Brasil e foi vencedor pela terceira vez consecutiva.

Em 2018, Michel Teló voltou com a turnê do musical Bem Sertanejo, passando pelo Rio de Janeiro, São Paulo, Vila Velha e Campinas. Paralelamente manteve a agenda de shows com show de mesmo nome.

No segundo semestre, o cantor voltou a ser jurado do The Voice Brasil. Em novembro, Michel Teló apresenta a terceira temporada do Bem Sertanejo – O Musical. O espetáculo volta a São Paulo, Rio de Janeiro, Curitiba e será apresentado também em Florianópolis e Maringá.

Outros palestrantes